Afirmação e reafirmação

Todos têm dons, mas poucos os desenvolvem

No meio futebolístico, Túlio Maravilha, “o atacante falastrão”, marcou uma geração, por suas frases cheias de otimismo e veemência. Em grandes partidas da equipe em que jogava, afirmava aos repórteres que o time estava preparado, e que o gol decisivo da partida, seria o dele.

Ele usava muitas palavras de impacto para chamar a atenção da mídia, à sua imagem e se afirmava como: “Túlio ou nada”, “Túlio bem”. Esses e outros bordões, o tornou inesquecível, além de sua habilidade no esporte, que trouxeram inúmeras alegrias para o seu clube, o Botafogo.

Túlio, era e é um exemplo de um grande jogador, a qual possuía uma visão otimista, brincalhona e provocativa, assim como o jogador Romário, que se destacou não só por sua habilidade com a bola, mas também, pelo seu modo de pensar.

Túlio, afirmava que a sua condição era de grande goleador, e não bastava apenas isso, ele constantemente, dizia em entrevistas, que iria fazer gols e que o time seria vitorioso na partida.

Pode ser que, muitos adversários detestassem a forma que ele verberava suas ideias. Quem sabe alguns poderiam achá-lo soberbo demais, ou arrogante.

Contudo, fazendo uma avaliação de como Túlio levava sua profissão, deve despertar em nós a devida reflexão. Ele não só era bom, e sim afirmava que era bom, e cumpria o que prometia; ele também reafirmava que era o craque e goleador, o que de fato ocorria.

Vendo pelo aspecto do aprendizado, o que há de problema nisso? Ao contrário do que muitos pensavam há época, a automotivação de Túlio, elevava sua maneira de conduzir seu futebol, a ser realmente aquilo que pensava, dizia e emanava.

A técnica utilizada por Túlio, a denomino de afirmação e reafirmaçãoSe você é bom, não se esconda, nem se sinta obrigado a ser da maneira como muitos querem. Entendo que devemos sempre afirmar os nossos dons, que é aquela predisposição com a qual você já nasceu, e desenvolvê-la dia após dia.

Se você não nasceu com aquela qualidade de fazer algo, mas, treinou e aprendeu, e hoje você entende que é um “craque” nisso, sugiro aplicar a mesma regra da afirmação e reafirmação.

Não fique preocupado demais com as pessoas que estão ao seu redor, se vão apreciar a sua forma de viver, que neste caso proposto, é de forma otimista. Viva e demonstre para o mundo as suas qualidades, os seus dons e os seus talentos.

É necessário ir adiante e prosseguir rumo aos seus objetivos, independente se isso gerará críticas e perseguições. Você deve afirmar e reafirmar as competências e qualidades as quais possui diariamente.

Sei que estamos vivendo em um mundo de muitos “mimimi”. Se você não desejar enfrentar e encarar esse risco e desgaste na sua vida, faça de outra forma, comunique a afirmação e reafirmação para si mesmo. Não perca tempo e não se censure por dizer para o seu cérebro às suas qualidades. Prefira dizer as qualidades, do que os defeitos.

Afirme quem você é, e reafirme as suas qualidades. Não se importe para pessoas que sempre colocarão ideias controversas às suas atitudes otimistas. Seja um vencedor e seja o melhor em todas as áreas de sua vida.

Os torcedores do Botafogo cantavam: “Túlio Maravilha, nós gostamos de você”. O efeito da autenticidade deste jogador, gerou consequências positivas, resultado da soma do seu padrão mental positivo e ousado. Por isso, dê valor às suas qualidades e desenvolva-as a cada dia.

________________________

Francisney Liberato Batista Siqueira é Auditor Público Externo do Tribunal de Contas do Estado de Mato Grosso, Palestrante Nacional, Professor, Coach, Mentor, Advogado e Contador. Autor dos Livros “Mude sua vida em 50 dias”, “Como falar em público com eficiência” e “A arte de ser feliz”. (http://www.francisney.com.br)

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorTribunal de Justiça de MT manda juízes e servidores expostos ao coronavírus trabalharem de casa
Próximo artigoQuarentena

O LIVRE ADS