“Afastamento de Sérgio Ricardo não pode contaminar TCE”

Convidado da primeira edição da Entrevista Livre, gravada na redação do LIVRE, o presidente do Tribunal de Contas do Estado, o conselheiro Antonio Joaquim, disse que o afastamento do colega Sérgio Ricardo, determinado pela Justiça, não pode “contaminar” o restante da instituição.

“Eu acho muito temerário contaminar uma instituição em razão de um problema de um integrante. No caso do conselheiro Sergio Ricardo, é claro que há um ruído negativo, mas não atinge a instituição, a não ser no juízo geral”, disse, em entrevista à redação do LIVRE.

Sérgio Ricardo foi afastado em janeiro pelo juiz Luís Aparecido Bortolussi Júnior, da Vara Especializada em Ação Civil Pública e Ação Popular de Cuiabá, sob suspeita de comprar, com recursos recebidos de um suposto esquema de corrupção, uma cadeira no tribunal. O presidente do TCE disse que os fatos atribuídos a Sérgio Ricardo são anteriores à sua posse como conselheiro.

“Em relação ao tempo que ele é conselheiro, sua atuação foi propositiva e positiva”, afirmou.

Sobre a atual disputa pela vaga do ex-conselheiro Humberto Bosaipo, que tem três deputados estaduais como candidatos declarados, o presidente do TCE disse que a indicação pertence à Assembleia, mas que o indicado não precisa ser um parlamentar.

Confira a entrevista:

 

 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorVeja o que muda nas viagens de avião a partir desta terça
Próximo artigoKleber Lima diz que Emanuel desrespeita Mauro Mendes

O LIVRE ADS