Adolescentes tentam matar policial penal que reagiu a assalto em Cuiabá

Policial trabalhava também de motorista de aplicativo, foi rendido em um assalto, tentou reagir, mas teve sua arma tomada pelos ladrões

Foto: Imagem Ilustrativa

Três adolescentes, dois de 16 anos e um de 17, foram apreendidos nessa terça-feira (15) após serem encontrados com uma arma e confessarem terem praticado um roubo seguido de tentativa de assassinato contra um policial penal de 45 anos.

O crime aconteceu nessa segunda-feira (14), por volta das 20 horas. Os adolescentes acionaram um veículo em um aplicativo com a intenção de roubar o carro do motorista.

Eles entraram no carro e falaram para o motorista ir até o Bairro Pedra 90, em Cuiabá, mas próximo à região do Cinturão Verde anunciaram o roubo.

Os três, no entanto, não estavam armados e pretendiam realizar o roubo somente ameaçando o motorista e o agredindo.

O que eles não contavam é que o motorista era um policial penal, que tinha uma arma no porta-luvas. O policial tentou pegar a arma, mas os adolescentes conseguiram tomar dele e atiraram três vezes, atingindo as pernas e o abdômen dele.

Prisão

Nessa terça-feira (15), porém, eles foram a um salão de beleza no Bairro Lixeira com a arma do policial e populares acionaram a polícia.

A equipe primeiro abordou um dos adolescentes de 16 anos na frente do salão, que confessou todo o crime e entregou os comparsas, que ainda estavam dentro do estabelecimento.

Os militares entraram e encontraram a pistola do policial e uma capa de colete balístico no local onde o adolescente indicou que os objetos estariam.

Os outros dois adolescentes também foram apreendidos e também confessaram o crime.

O caso foi registrado como tentativa de roubo seguido de morte.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorMPF e Polícia Federal deflagram operação para combater fraudes eletrônicas bancárias
Próximo artigoEmpréstimo de R$ 120 milhões