Abandone tudo

Por Francisney Liberato

Assim nós temos essa grande multidão de testemunhas ao nosso redor. Portanto, deixemos de lado tudo o que nos atrapalha e o pecado que se agarra firmemente em nós e continuemos a correr, sem desanimar, a corrida marcada para nós. Hebreus 12:1

Um indivíduo que deseja se tornar um atleta deve ter equilíbrio em várias áreas da vida, para que tenha bons resultados. Se o desejo é correr uma maratona, é necessário se preparar para tal objetivo.

Como atleta, vamos imaginar que o desejo seja correr a Corrida de São Silvestre, em São Paulo. Um percurso de 15 quilômetros. A pessoa precisa se dedicar aos treinos, fazer uma alimentação balanceada e equilibrada, o repouso deve ser extremamente medido, a mente deve manter o foco e ter muita perseverança.

Como seres humanos falhos, mesmo que definamos os objetivos da vida, não importa a área, desejamos conseguir o que foi planejado, mas, ao mesmo tempo, não queremos abrir mão do nosso conforto.

O foco é correr e chegar bem na corrida de São Paulo. Precisamos fazer uma dieta, mas a vontade de comer bastante carne, doces e “besteiras de modo geral” fomenta os nossos pensamentos. Treinar, às vezes, dá preguiça. Muitas vezes queremos ficar até de madrugada assistindo seriados e filmes. E basta qualquer problema que acontece na vida para tentarmos mudar o foco e desistir do que foi programado.

Queremos correr a maratona, mas não queremos abdicar de tudo que nos impede chegar bem condicionados para a corrida.

Hebreus está dizendo para nós: “deixemos de lado tudo o que nos atrapalha”, isto é, larga de mão de perder tempo com coisas que estão fora do seu foco, do seu sonho e do seu objetivo.

Como seres humanos, gostamos de protelar e não fazer o que precisa ser feito. Por quaisquer circunstâncias, deixamos esmorecer o nosso objetivo e permitimos a desistência.

O que tem atrapalhado na sua vida de vencer? Qual é o seu maior obstáculo hoje? Quem sabe o seu “calcanhar de Aquiles”, o seu ponto fraco, a sua vulnerabilidade seja a falta de persistência, a ausência de fé, a insuficiência da oração, a economia em amar, as amizades que influenciam para o mal, o excesso de consumismo, a não interação com os seus amigos e familiares, o seu pão-durismo para ajudar o próximo. Repito: deixemos para trás tudo que nos atrapalha de ser feliz e prossigamos para o nosso objetivo.

Que possamos abandonar as pessoas, coisas, lugares, situações que têm causado tristeza e cicatrizes em nossas vidas. Que tenhamos coragem de decidir abandonar tudo o que nos tem impedido de viver melhor e mais feliz. Deus trata cada um de nós como único, ímpar e singular.

Que tal abandonar tudo o que te atrapalha hoje?

Francisney Liberato Batista Siqueira é Auditor Público Externo do Tribunal de Contas de Mato Grosso. Escritor, Palestrante, Professor, Coach e Mentor. Mestre em Educação pela University of Florida. Doutor em Filosofia Universal Ph.I. Honoris Causa. Bacharel em Administração, Bacharel em Ciências Contábeis (CRC-MT) e Bacharel em Direito (OAB-MT). Autor dos Livros: “Mude sua vida em 50 dias”, “Como falar em público com eficiência”, “A arte de ser feliz”, “Singularidade”, “Autocontrole”, “Fenomenal”, “Reinvente sua vida” e “Como passar em concursos”.

http://www.francisney.com.br

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDeputados de MT já somam 74 pedidos de prioridade na vacinação; ministro pede bom senso
Próximo artigoCollor afirma que existe um plano político para desgastar Bolsonaro