75 anos após a 2ª Guerra, bomba explode e deixa cratera na Alemanha

Ainda há muitas bombas perdidas, prestes a explodir, pelo menos até os próximos 200 anos

Foto: Boris Roess Getty Images

A explosão de uma bomba em um campo de cevada na cidade alemã de Limburg-Ahlbach assustou os moradores da região na manhã do domingo (23). O explosivo, que tudo indica ser da 2ª Guerra Mundial detonou às 03h52 (horário local) e acordou os habitantes com o barulho e ainda causou um pequeno tremor, sentido pelos residentes da região.

O explosivo que estava na lavoura que fica ao norte de Frankfurt deixou uma cratera de 10 metros de largura e 4 metros de profundidade no meio da plantação. Apesar de surpreendente, esse tipo de incidente não é descartado em alguns países da Europa, já que bombas não detonadas no período da guerra costumam surgir de forma espontânea nesses países.

Equipes que vistoriaram o lugar concluíram que o explosivo era de uma bomba aérea que os aliados derrubaram no período da guerra e pesava cerca de 250 kg. Afirmaram que por cair em alta velocidade, a bomba se enterrou no solo macio e ficou no lugar por mais de 70 anos, sem ser detectada.

Por saber que ainda há muitas bombas “perdidas”, o governo alemão realiza buscas usando magnetômetros, em busca de explosivos do século passado. Contudo esse problema parece estar distante de ser resolvido. Isso porque em um artigo publicado pela Air & Space, em 2016, um especialista em bombas disse acreditar que esses casos devem ocorrer por mais 200 anos.

*Com Washington Examiner 

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorAeronáutica abre inquérito para apurar caso de drogas em avião da FAB
Próximo artigoFunção que permite colocar música nos stories do Instagram chega ao Brasil