25 mil hectares de exploração

O tamanho da área de mineração em Mato Grosso cresceu cinco vezes e maioria foi de forma ilegal, diz estudo

(Foto:Ednilson Aguiar/ O Livre)

Mato Grosso possui 25.495 hectares de áreas mineradas e a maioria deles é de garimpo, com a exploração de ilegal, principalmente, de ouro.  

Esse tipo de extração foi o que mais cresceu em Mato Grosso e no Brasil nas últimas décadas, conforme o levantamento do MapBiomas divulgado na segunda-feira (30). 

Os dados apontam que as áreas mineradas cresceram em seis vezes em 35 anos. Em 1985, haviam cerca de 31 mil hectares de exploração industrial e de garimpo e, em 2020, o número chegou a 206 mil. 

Se aplicado esse crescimento às divisas de Mato Grosso, a área minerada saiu de 3,9 mil hectares no início do período para os 25.495 atuais.

Use este espaço apenas para a comunicação de erros





Aceito que meu nome seja creditado em possíveis erratas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorJoelma diz que prefere ‘a morte’ a voltar com o ex e irrita Ximbinha ao falar de retorno da Calypso
Próximo artigoGoverno anuncia salário mínimo de R$ 1.169 para o ano que vem