07 de maio de 2017 - 14:53

Valdir Barranco assume direção do PT em Mato Grosso

Ele substitui Willian Sampaio com missão de fortalecer sigla para campanha de Lula em 2018

Laíse Lucatelli

, da Redação

laise.lucatelli@olivre.com.br

O deputado estadual Valdir Barranco foi eleito presidente do PT em Mato Grosso, por unanimidade, na manhã deste domingo, 7. Representante da corrente majoritária do partido, Construindo um Novo Brasil (CNB), Barranco conduzirá a sigla até 2019, e tem como missão fortalecer o partido para dar suporte à possível candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) nas eleições de 2018. O PT aposta no ex-presidente para retornar ao poder depois do impeachment de Dilma Rousseff. 

Barranco afirmou que quer aproximar o PT dos movimentos sociais. A tendência de fortalecimento das minorias dentro do partido já foi detectada nas eleições do diretório de Cuiabá, em abril, quando as alas de esquerda conseguiram cerca de 20% dos votos com a candidatura de Robinson Cireia. Na ocasião, foi eleito Volney Albano, pela CNB. 

“O PT sempre foi um partido democrático que representa todos e todas. Aqui, as minorias têm vez e voz. Queremos caminhar juntos com os sindicatos dos trabalhadores e movimentos sociais que lutam pela terra, educação, juventude, pelos direitos dos trabalhadores, pela igualdade racial e de gêneros. Enfim, que privilegie o cidadão sem olhar classe social, econômica ou nível de escolaridade. Nosso partido é forte porque não discrimina ninguém. Nenhum direito a menos!”, declarou Barranco. 

O ex-presidente Willian Sampaio (PT), que deixa o cargo depois de seis anos, desejou sucesso à nova gestão. “Me coloco à disposição para ajudar o PT no que for preciso sempre. Desejo aos companheiros e companheiras da nova gestão sucesso na preparação do nosso partido para o principal desafio, as eleições 2018. Vamos juntos!”

Assessoria

Valdir Barranco

Eleição do diretório estadual do PT em 2017

Segundo a assessoria, o congresso estadual teve início no sábado, 6, com a participação de 166 delegados com direito a voto, representando 49 municípios. O evento, realizado na sede do Sindicato dos Trabalhadores da Educação (Sintep), em Cuiabá, também elegeu os sete delegados estaduais que vão a Brasília votar na eleição do diretório nacional, nos dias 1 e 2 de junho. Deve ser eleita presidente nacional do partido a senadora Gleisi Hoffmann (PT/PR), que conta com apoio de Lula. 

Leia mais