07 de outubro de 2017 - 16:16

Ex-governador mexicano é preso por corrupção envolvendo fundos públicos

Ele é acusado de uso indevido de fundos públicos e uso de fundos ilícitos relacionados à aquisição de cerca de 4.000 hectares na cidade portuária de Altamira

da Redação

O ex-governador do estado fronteiriço mexicano de Tamaulipas Eugenio Hernández Flores foi preso por acusações de corrupção, informaram autoridades.

Hernández Flores foi detido na capital do estado de Victoria, disse o promotor Javier Castro Ormaechea. O ex-governador enfrenta acusações por uso indevido de fundos públicos e uso de fundos ilícitos relacionados à aquisição de cerca de 4.000 hectares na cidade portuária de Altamira. Hernandez atuou como governador até 2010.

Jorge Olvera Reyes, advogado de Hernández, disse que seu cliente nega as acusações e que irá combatê-las no tribunal.

Em janeiro de 2012, procuradores mexicanos disseram que estavam investigando funcionários públicos em Tamaulipas. Hernández e outros dois ex-governadores do mesmo partido reconheceu que eles eram sujeitos da investigação, mas negaram atos ilícitos.

O promotor se recusou a fornecer mais detalhes sobre a investigação em andamento. O antecessor de Hernández, Tomas Yarrington, foi preso na Itália este ano e está aguardando a extradição. Fonte: Associated Press

(Com Agência Estado)