12 de janeiro de 2018 - 16:41

Menino chinês chega à escola congelado e foto viraliza na web

Exemplo de perseverança, garotinho caminha 4,5 km todos os dias para ir à escola, em temperaturas que chegam a -9ºC

Felipe Martins

, da Redação

pautas@olivre.com.br

ThePaper.cn / Reprodução

Garoto Chinês


Uma imagem de um garotinho chinês ganhou as redes sociais depois que ele chegou à escola com o cabelo e rosto cobertos por neve. Se por um lado a situação foi motivo de likes e compartilhamentos, por outro, a história do garoto impressiona pelas dificuldades diárias que ele supera para continuar estudando. Wang Fuman (8) caminha 4,5 quilômetros todos os dias para ir à escola, em temperaturas que chegam a -9ºC.

O jovem mora na região de Zhaotong, zona rural da província de Ludian, no sul da China. Segundo informações apuradas pelo jornal "El País", o garoto caminha cerca de uma hora e meia para chegar na escola de Zhuanshanbao, no vilarejo de Xinjie. Como resultado da longa caminhada sob neve, o garoto chega na sala de aula com cabelo, sobrancelhas e mãos congeladas.

Acervo Pessoal / Reprodução

Garoto Chinês 2

Wang mora em uma humilde casa de barro com teto de palha, junto da avó e da irmã mais velha. Sua mãe abandonou a família, e há meses eles não recebem notícias do pai, pois trabalha em outra cidade. Na China, crianças como ele fazem parte do grupo de "crianças abandonadas", que não vivem com os pais porque eles trabalham em outros municípios. Apesar de todas dificuldades, Wang nunca falta às aulas.

Leia mais