12 de janeiro de 2018 - 15:32

Homem cai em golpe e compra carro com mandado de busca e apreensão

O comprador tinha dado seu carro de entrada no valor de R$ 18 mil e financiado R$ 22 mil

Karina Cabral

, da Redação

karina.cabral@olivre.com.br

SESP

Polícia Civil

O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil

Um homem de 39 anos foi vítima de um golpe de estelionato em Alto Taquari (486 km de Cuiabá), ao fazer a compra de um carro. A vítima disse que o suspeito de tê-lo enganado leva os carros de Goiânia (GO) para Alto Taquari. O caso foi registrado na quinta-feira (11).

Conforme o boletim de ocorrência, a vítima contou que estava procurando carros para comprar quando conheceu o suspeito, que lhe ofertou um veículo de Goiânia (GO).

O suspeito pegou todos os seus dados e disse ter mandado para a capital de Goiás, Goiânia, para fazer um financiamento pelo banco Safra.

A vítima afirmou à polícia que só soube do financiamento após chegar a primeira parcela em sua casa - e que ele sequer assinou algum documento vindo do banco, que aprovou o financiamento de R$ 22 mil.

Ele contou que pagou a segunda parcela e o carro não chegava, então reclamou para o suspeito, que foi a Goiânia e trouxe um Renault Duster, de cor prata, e o entregou.

Quando o suposto vendedor deixou o novo veículo da vítima, levou um antigo, um Golf de cor prata, no valor de R$ 18 mil, como entrada. Veículo que nem foi tirado de seu nome.

Durante toda negociação, a vítima ficou em contato com uma pessoa que se apresentou como o dono da garagem em Goiânia. Conforme o boletim de ocorrência, o financiamento feito com o banco teria caído em nome dessa pessoa, que ficou de mandar um recibo de transferência da Duster para a vítima.

O carro ficou com o novo dono por cerca de um mês. Ele pagou as documentações atrasadas e o suposto vendedor nunca apresentou um recibo de transferência da Duster para ele; sempre que cobrado, o suspeito apenas ficava dizendo que iria mandar.

Até que na quarta-feira (10), a vítima teve o carro apreendido. O mandado de busca e apreensão era de Goianésia (GO). Ele tentou falar com o suspeito, mas ele sumiu, não atendendo às ligações, nem respondendo às mensagens.

Segundo a vítima, o carro que ele tinha dado como entrada, o Golf de cor cinza, está em Mineiros e teria sido repassado pelo suspeito, sem pegar nenhuma assinatura.

O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil.