26 de outubro de 2017 - 13:38

Cuiabá Arsenal faz vaquinha em busca de semifinal

Equipe precisa levar no mínimo 30 jogadores até o Nordeste para não perder por W.O.

Gabriele Schimanoski

, da Redação

gabriele.schimanoski@olivre.com.br

Reprodução/Facebook

Cuiabá Arsenal

Treino do Cuiabá Arsenal: luta para conseguir levar 30 jogadores para a disputa da semifinal, no Nordeste

Depois de vencer de virada o Tubarões do Cerrado, a equipe do Cuiabá Arsenal se sagrou campeã da Conferência Centro-Oeste e está de volta a uma semifinal de uma competição brasileira. Mas, além de bons resultados, o time precisa de recursos.

Mesmo com alguns patrocínios, o saldo no final do mês não dá para levar 30 jogadores até o Nordeste, onde a partida será disputada. A saída encontrada foi criar uma “vaquinha” online. O objetivo é arrecadar R$ 30 mil.

“Nosso objetivo é levar o mínimo de jogadores, que são 30. Menos que isso perdemos por W.O.”, explicou o presidente do time, Paulo Cesar Machado. “Em jogos cuja distância é menor, a equipe viaja com cerca de 50 jogadores”, completou.

Ao todo, serão dois dias de viagem de ônibus, percorrendo cerca de 3 mil quilômetros. A partida pode ocorrer em Fortaleza ou em João Pessoa, tudo vai depender do resultado do jogo do dia 28, onde se enfrentam João Pessoa Espectros e Ceará Caçadores, na final da Conferência do Nordeste.

Vencendo o campeão da Conferência Nordeste, o Cuiabá Arsenal trará a final do Campeonato Nacional de Futebol Americano para a Arena Pantanal, na capital. “Cuiabá merece essa festa, Mato Grosso merece. Quem já participou sabe que é de arrepiar”, garante o presidente.

Olímpio Vasconcelos

Final

A Arena Pantanal recebeu 15.197 mil pessoas para ver o futebol americano

Recorde de público
Em 2015, o palco da Copa do Mundo da Fifa no estado recebeu 15.197 mil pessoas para ver o futebol americano. A equipe mato-grossense acabou perdendo de 7 a 13 para o Coritiba Crocodiles, mas o espetáculo foi digno de uma partida internacional, com direito a show no intervalo.

Foi o segundo melhor público daquele ano, perdendo apenas para o jogo entre as equipes do Vasco e Flamengo, no Rio de Janeiro, em que 16,6 mil pessoas pagaram para assistir ao clássico.

O Cuiabá Arsenal é bicampeão estadual e bicampeão nacional. Nos últimos três anos, ficou entre as quatro melhores equipes do país. “Agora vamos trazer essa final para Cuiabá, com o apoio da torcida, se Deus quiser”, finaliza o presidente.

Para contribuir com qualquer valor, clique aqui.