11 de janeiro de 2018 - 13:19

Grupo se reinventa e Gabriela Calçados encerra atividades

“Não deve ser visto como um fim, mas o reinício de uma nova jornada”, disse grupo, em nota

Karina Cabral

, da Redação

karina.cabral@olivre.com.br

Reprodução

Gabriela

As lojas “Gabriela Calçados”, do grupo Calcenter, fecharão as portas em fevereiro de 2018. O anúncio foi feito nesta quinta-feira (11), porém, segundo a nota divulgada pela empresa, “isso não deve ser visto como um fim, mas como o reinício de uma nova jornada”.

O grupo teve início em 1975 e até o momento já tem 80 lojas espalhadas pelo país. O fechamento na verdade é uma estratégia do grupo Calcenter, após um ano positivo, em que 17 lojas Studio Z, que também pertencem ao grupo, foram abertas em todo o país.

Com isso, a empresa resolveu se reestruturar e, pensando na “democratização da moda”, investiu ainda mais na marca Studio Z e incorporou a marca Gabriela a ela.

Boa parte dos funcionários da marca serão treinados e remanejados para outras lojas do grupo. Aos demais, o grupo prometeu, ao demitir, oferecer um plano de orientação de carreira, com treinamentos, palestras e avaliação de perfil profissional.

Conforme a nota divulgada pela assessoria de imprensa, o grupo em breve “lançará novidades”.