13 de setembro de 2017 - 10:50

"Deboche e escárnio"

O presidente da OAB-MT, Leonardo Campos, subiu o tom contra os políticos citados na delação de Silval Barbosa

da Redação

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil em Mato Grosso (OAB-MT), Leonardo Campos, pelo menos em nota, subiu o tom contra os políticos citados na delação que o ex-governador Silval Barbosa formalizou à Procuradoria Geral de Justiça, e homologada pelo Supremo Tribunal Federal (STF). 

"O que temos acompanhado é que diversos citados na delação têm-se utilizado de deboche e escárnio contra a população. Notas enviadas à imprensa ou entrevistas concedidas a veículos de comunicação revelam conteúdo que mais se assemelham à continuidade da falta de respeito à sociedade, como outrora ocorrera quando o dinheiro que deveria ser destinado para o bem comum, foi parar em paletós, caixas de papelão ou em bolsas de grife", enfatizou.

Confira Também: